Conceito de Economia de Mercado

Conceito de Economia de Mercado


A expressão Economia de Mercado designa um tipo de sistema econômico em que as principais decisões quanto ao quê, ao como e ao para quem devem ser produzidos os bens são tomadas pelo próprio mercado. Opõe-se, portanto às designadas Economias de Direção Central em que estas decisões são tomadas pelo Estado. Pelo contrário, numa economia de mercado o papel do Estado na economia é reduzida ao mínimo necessário para garantir o funcionamento do próprio mercado, nomeadamente através da regulação, da fiscalização e da correção de algumas falhas de mercado. Da mesma forma, e ao contrário do que acontece nas Economias de Direção Central, numa economia de mercado a propriedade dos fatores de produção é privada e o mecanismo regulador é preço definido no próprio mercado, que atua com o objetivo de maximizar o lucro dos produtores e de maximizar a utilidade dos consumidores.
Atualmente, e nas economias modernas, os sistemas econômicos tendem para um misto entre a Economia de Mercado e o Estado-Providência, sistemas em que o Estado, além do papel de supervisão e regulação e de correção de falhas de mercado, assume também um importante papel social de redistribuição de riqueza.