É tiro para todo lado! (Parte I)

É tiro para todo lado! (Parte I)


Caro leitor, eu bem que avisei! Tenho falado aqui neste minifúndio inúmeras vezes que a política em Lagoa Santa vai mal das pernas (excluo desta lista alguns Vereadores e outros políticos verdadeiramente clarividentes). Sabe por quê? Porque existem os arautos do Apocalipse e também, porque existem os que se deixam levar pelo som das trombetas dissonantes. Temos aqui em Lagoa Santa, de um lado, uma casta de arrogantes e prepotentes, gente com espírito vingativo, que se arvora em se denominar como político, que manda e desmanda e de outro lado, os paquidermes e boçalóides que dizem amém a essa casta. Gente que atira para todos os lados e não sabe nem o que quer da sua própria vida. Grupelho político desqualificado, sem eira nem beira. Tem uma senhora por aqui que detona tudo e todos no Facebook, somente porque se acha amiga do Rei. Fala asneiras, uma atrás da outra. Prosa ruim e totalmente boquirrota. Acha-se a dona do pedaço. Escreve mal e o pior, raciocina pior ainda! Mas acha que está abafando. É gente que teima em denunciar, sem provas e tenta desqualificar, sem a mínima competência para tal. Meses atrás, ouviam-se alaridos estridentes de uma oposição estúpida e trôpega. Agora, quase não ouço nem os sussurros, só ranger de dentes. Gente que foi com sede demais ao pote e se afogou num pequenino copo d’água. A troco de que, pergunto eu? De tentar desestabilizar um trabalho que apenas se iniciava? De impor a política do quanto pior melhor? De tentar dar o troco por benesses não correspondidas? Triste sina daqueles que acreditam na beligerância e na desfaçatez dessa gente. São ingênuos e incautos, se acham que não existem Leis que protegem o descalabro. Sabe por que estou falando sobre este assunto? Para mostrar que nada disso adiantou, perdeu-se tempo com asneiras e idiotices e política não se faz assim. Política é a arte do convencimento, do diálogo, da paciência, virtudes que essa turma não tem. Veja bem, caro leitor, tentaram depor o Chefe do Executivo e arrotaram vitória antes do tempo, não conseguiram. Uma, duas, três vezes. Achincalharam, acusaram, bisbilhotaram, inventaram e no final, deu no que deu. Necas de pitibiriba. Estou sentindo no ar, o cheiro acre de cachorro molhado com o rabinho entre as pernas, pois o furor parece ter arrefecido. Meias verdades foram ditas, inúmeras vezes, com o beneplácito inclusive de parte da imprensa. Nós que divulgamos as partes todas, levamos traulitada, mas, o lastro pertinente aos encouraçados da boa batalha, não nos deixou sucumbir. Cometemos um leve erro, que todos já sabem, mas a matéria publicada estava divulgada na sua integralidade e comprovou-se depois, que somente nós havíamos contado toda a história verdadeira, que outros sonegaram. Por propagarmos sempre a verdade, sem fazermos ilações e não divulgando meias verdades, hoje desfrutamos perante a população “inteligente” do respeito e da admiração dedicadas. Aos forjados em têmpera de aço. Fomos perseguidos e ainda hoje somos rejeitados por meia dúzia de pamguas, integrantes da súcia, por termos divulgado integralmente os fatos que se nos apresentaram. Olha só, aonde chegamos, outro dia, recebi mensagem em celular, dizendo mais ou menos assim: “Cuidado, contrataram o Dr. Marcelo Leonardo (Ex-Presidente da OAB/MG). Vão com tudo para cima de você e do Prefeito e falam que vão te (sic) por na cadeia igual ao Carone”. Ameaças e intimidações, não me tiram o sono, principalmente quando partem de escória, ralé ou canalhas. E tenho dito, por enquanto!