Mais de 80% de rede de esgoto instalada em Lagoa Santa: Verdade ou Mentira?

Mais de 80% de rede de esgoto instalada em Lagoa Santa: Verdade ou Mentira?


Estas ETE’s são suficientes para atender mais de 80% dos domicílios?A COPASA, juntamente com a Prefeitura de Lagoa Santa divulgou recentemente um comunicado com o seguinte teor: “A Copasa, em parceria com a Prefeitura Municipal, investiu R$ 34 milhões em Lagoa Santa, ampliando a cobertura da rede de esgoto da cidade de 16 % para MAIS de 80 % em apenas quatro anos.” O JD procurado por um leitor que esteve no posto da Copasa em Lagoa Santa solicitando a ligação do seu imóvel à rede de esgoto “anunciada” e que obteve da atendente a seguinte resposta: Impossível, pois no seu bairro só há rede instalada nas ruas principais, assim como em vários outros bairros da cidade. Resolveu então solicitar à Copasa, maiores informações sobre esse assunto de interesse da coletividade.
 
Enviamos o e-mail transcrito abaixo para a Sra. Vanda do setor de imprensa:
Conforme conversa telefônica, solicitamos resposta “Oficial” para as perguntas abaixo sobre a implantação da rede de esgoto na cidade de Lagoa Santa-MG. O JD-Jornal Diferente (www.jornaldiferente.com.br) irá abordar o tema “propaganda veiculada” pela Copasa e Prefeitura de Lagoa Santa contendo a seguinte afirmativa: Ter ampliado para “Mais” de 80% a cobertura de esgoto na cidade. Sabe-se que a ampliação da rede de esgoto em Lagoa Santa é uma realidade e teve um salto extraordinário, só não se sabe qual a fórmula que embasou os cálculos da porcentagem anunciada.
Esse leitor citado foi ao posto da Copasa em Lagoa Santa, pedindo a lista de bairros contemplados com a instalação de rede de esgoto e ouviu a seguinte explicação: Inúmeros bairros só têm rede de esgoto em ruas principais, inclusive obteve a relação com os nomes dos bairros já totalmente ou parcialmente contemplados.

Perguntas do JD – Jornal Diferente à Copasa:

01) Quantos domicílios “oficiais” foram listados em Lagoa Santa para a conclusão de que 80% deles passaram a ter rede de esgoto?
02) Se existirem 25 mil domicílios em Lagoa Santa, significa que a rede de esgoto está disponível para mais de 20 mil deles?
03) Os Condomínios foram incluídos nesta conta?
04) Nesta conta estão incluídos lotes, casas com plantas aprovadas, casas sem habite-se, imóveis irregulares, etc.?
05) Tratam-se de dados empíricos ou estatísticos (reais)?
06) A COPASA pode afirmar que as informações divulgadas estão absolutamente corretas?
07) Que tipo de embasamento técnico serviu para esta afirmativa?
08) É possível listar os bairros com rede total e com rede parcial já instalada?

Resposta da COPASA:

Em resposta à sua solicitação informamos que todos os dados divulgados pela Copasa são oriundos do banco de dados registrados no Sistema Corporativo da empresa. O índice de 80% refere-se aos imóveis que possuem redes coletoras de esgoto disponíveis em condições de serem conectados. Para se chegar a este percentual foram consideradas as redes já existentes e as que estão em fase final de conclusão de obras, independentemente de estarem ou não conectadas ao sistema da empresa. A Copasa considerou apenas os bairros e condomínios onde opera o sistema. É missão da empresa, proporcionar solução para o esgotamento sanitário nos municípios onde ela detém a concessão. Em função disso, a empresa desenvolve campanhas no sentido de orientar e incentivar os moradores a conectarem suas ligações de esgoto às redes coletoras da Copasa para aumentar o índice de atendimento e consequentemente contribuir para melhoria da qualidade de vida da população e preservação do meio ambiente.

Perguntas que ainda não foram respondidas
Apoiamos integralmente a instalação de redes de esgotamento sanitário em todas as localidades, pois se trata de Saúde pública, elogiamos o trabalho feito visando o saneamento básico que evita doenças e mortes. A questão é a divulgação de dados que deixam margem a dúvidas:
No texto acima a COPASA afirma que o índice de “MAIS” de 80 % refere-se aos imóveis que “possuem” redes coletoras de esgoto disponíveis em condições de serem conectadas... Então ficam as seguintes dúvidas: Se apenas 10 mil imóveis possuírem redes coletoras na cidade em condições de serem conectadas - os tais “MAIS” de 80% se traduziriam a pouco mais de 08 mil imóveis, correto? Isso significaria dizer que a tal “AMPLIAÇÃO” da rede de esgoto, tão divulgada, “nunca” atingiria “MAIS” de 80% da rede de esgoto da “CIDADE” como afirmam, correto? Ficam ainda as seguintes dúvidas: No momento temos ETEs (Estações de Tratamento de Esgotos) suficientes para tratar mais de 80% do esgoto de Lagoa Santa? R$ 34 milhões são suficientes para dotar uma cidade com quase 25 mil domicílios de rede de esgoto? A Prefeitura, parceira da Copasa neste “comunicado” confirma ou corrige os dados?  Pois parece que esta resposta “OFICIAL” divulgada pela Copasa, conduz a uma “pequena” contradição, não é mesmo?